Perder um ente querido é sempre uma situação desafiadora. Quando falamos da morte da pessoa que escolhemos passar o resto da vida, recomeçar depois do luto pode ser ainda mais complicado. Ninguém está preparado para lidar com as perdas, mas é importante tentar encontrar formas de elaborar a nova realidade.

Falar sobre a morte ainda é um tabu, ninguém gosta de pensar no assunto. Mas entender o processo e procurar maneiras de recomeçar depois do luto é fundamental para aqueles que ficam. Neste artigo, preparamos algumas dicas para te ajudar a superar essa fase tão dolorosa. Continue a leitura e confira!

Vivenciar o luto é o primeiro passo

Para muitas pessoas, recomeçar depois do luto é a fase mais difícil depois da perda do cônjuge. Por outro lado, elaborar e aceitar a perda é o maior desafio para outra parcela dos enlutados.

Acima de tudo, é preciso buscar o equilíbrio entre o sentimento de saudade e a retomada da vida. Não se trata de se manter ocupado para evitar encarar a dor, mas sim de elaborar as emoções para que elas não te dominem.

Não existe um manual de como superar a dor do luto – nem uma cartilha que indica em quanto tempo devemos aprender a lidar com a perda. Cada pessoa vivencia esse processo de uma maneira, é preciso respeitar o momento e todas as emoções que o envolvem.

3 dicas para recomeçar depois do luto

Como dissemos, não existem regras relacionadas ao luto ou sobre como superar a morte do marido ou esposa. Mas algumas dicas podem te ajudar a passar por essa fase de forma mais leve, confira!

  1. Tenha uma rede de apoio: podem ser familiares, amigos ou grupos pensados especificamente para pessoas enlutadas. Falar sobre os sentimentos e receber o carinho das pessoas pode ajudar imensamente no processo de luto. Se aproxime de pessoas que já viveram algo parecido, pois a identificação e o acolhimento fazem uma grande diferença. Se tiver filhos, não se esqueça que eles também estão sofrendo pela perda, por isso a união familiar é importante para a superação do luto.
  2. Cuide de si mesmo: não abandone os cuidados com a sua saúde e alimentação, pois os sofrimentos emocionais também têm consequências em nosso corpo físico. Não deixe de nutrir seu corpo e mente.
  3. Busque ajuda profissional: se perceber que não consegue lidar com a nova fase sozinho, não deixe de procurar ajuda. Psicólogos e psiquiatras estão preparados para te mostrar as ferramentas emocionais necessárias para enfrentar o luto.

Conte com a Viva Mais Plan

Neste artigo, falamos sobre como recomeçar depois do luto, especialmente quando quem faleceu era o seu companheiro de vida. Não existe uma única forma de passar por esse momento, mas o primeiro passo é sempre entender a nova fase e não ignorar a dor.

A Viva Mais Plan acredita que todos merecem viver um luto digno. Por isso, contamos com planos de assistência funeral que oferecem todo suporte que sua família precisa em um momento tão delicado. Entre em contato conosco para saber mais sobre nossos serviços!